segunda-feira, janeiro 26, 2015
0



Joaquim Rori, Bem Neto e Rodrigo Rollemberg

Por: Walter Brito

A legalização de terras tem gerado muitos conflitos nas cercanias de Brasília. Um dos lugares onde o problema é grave e exige atenção especial do governador Rodrigo Rollemberg (PSB), trata-se da pequena cidade de Água Quente, pertencente ao Distrito Federal e vinculada à administração de Recanto das Emas. Com 20 mil habitantes, Água Quente faz divisa também com Santo Antônio do Descoberto, cidade goiana, cujos munícipes têm muitas afinidades com os vizinhos brasilienses.

A deputada distrital Liliane Roriz indicou recentemente o administrador do Recanto das Emas, o Major Fábio Viana Ávila.

A deputada distrital do PRTB, que também é vice-presidente da Câmara Legislativa do DF, estuda diversos nomes para escolher o de melhor perfil para resolver os problemas daquela localidade, muito procurada por políticos de todas as matizes, no período de campanha eleitoral. Para se ter uma ideia, do cacife político daquela região, só em Água Quente moram 12 mil eleitores de Brasília. No município de Santo Antônio do Descoberto – GO, distante de Água Quente, 1,5 KM, moram outros 23 mil eleitores que votam na capital brasileira.

De acordo com o empresário de Água Quente, Inivaldo Miranda, o nome para administrar a cidade, precisa ser de uma pessoa que tenha afinidade e o respeito dos moradores de Água Quente, Recanto das Emas e Santo Antônio do Descoberto. Ele disse ainda: "O empresário Bem Neto já foi suplente de deputado e obteve quase 10 mil votos na Região. Ele é empresário bem sucedido no DF e tem diversas propriedades aqui em Água Quente e, também em Santo Antônio do Descoberto. Bem Neto passa grande parte de seu tempo aqui conosco há quase 40 anos. Ele tem formação em Direito, o que facilitará na resolução dos conflitos agrários existentes. E mais, Bem Neto é amigo de longa data de Joaquim Roriz e também do atual governador Rodrigo Rollemberg. Filiado ao PSB há seis anos, Bem Neto apoiou Rollemberg para governador, mas para deputado distrital, ele votou em Liliane e pediu votos para a filha do Roriz. A família Roriz, certamente pretende continuar com o apoio dos eleitores do Entorno”, disse.

Entrevistamos também, Edson Souza, que trabalhou na campanha de Liliane Roriz: “Estou muito feliz em saber que a minha deputada, filha de meu amigo Joaquim Roriz, indicará o gerente de Água Quente, pois confiamos nela! Sem medo de errar, eu afirmo: o povo quer Bem Neto na gerência de Água Quente. Acredito inclusive, que o governador pode mandar fazer uma pesquisa, que certamente o nome do Bem Neto vencerá. A amizade que ele tem com o nosso povo e a sua presença na Região há quatro décadas, além de sua competência comprovada como administrador, empolga o povo de Água Quente. Apoiamos ele para a função”, declarou.

Correm por fora na disputa, outros nomes que pleiteiam a concorrida gerência de Água Quente. A reportagem do Diário da Manhã, falou também com a deputada Liliane Roriz, que disse: “Tive o meu primeiro encontro com o administrador do Recanto das Emas, ontem, quinta-feira (22). Portanto, preciso de um tempo para pensar e escolher o melhor nome para a função. Trata-se de uma região de conflitos agrários, e a pessoa indicada precisa de conhecimento de causa, vontade de trabalhar muito pela região e aceitação popular. Eu conheço Bem Neto, desde que foi vice-prefeito de Santo Antônio do Descoberto. Entretanto, preciso de tempo para decidir”, concluiu.

0 comentários:

Postar um comentário