sexta-feira, janeiro 09, 2015
0


A redação da revista "Charlie Hebdo", vítima do atentado terrorista que matou 12 pessoas na quarta-feira passada (7), se instalou nesta sexta-feira (9) nos escritórios do jornal Libération, que ofereceu seus dependências para que continue seu trabalho.

Os jornalistas chegaram por volta das 11h (horário local, 9h em Brasília) escoltados por um forte desdobramento policial, segundo informa a página do próprio Libération.

0 comentários:

Postar um comentário